Gravidez: Como detectar a infertilidade feminina?

Muitas mulheres sonham em ser mães, mas alguns problemas podem dificultar ou impossibilitar a gravidez natural, sendo necessário algum tratamento em uma clínica de reprodução humana, por exemplo para auxiliar neste processo. Considerando os casais com dificuldades para engravidar, em cerca de 30% dos casos é a mulher que é infértil.

Quando um casal tenta e não obtém sucesso na concepção tendo relações sexuais frequentes e sem utilizar contraceptivos por um ano, ele é considerado infértil e deve buscar um édico especialista para detectar a causa da infertilidade e indicar o melhor tratamento para cada caso. Quando a mulher tem mais de 35 anos, ela deve buscar apoio na reprodução assistida após 6 meses de tentativas infrutíferas.

Quais são as principais causas da infertilidade feminina?

A infertilidade feminina possui diversas causas e apenas com exames e análise clínica é possível determinar qual é o problema no organismo feminino e como tratá-lo. Uma das principais causas da infertilidade, especialmente em pacientes com mais de 35 anos, é a baixa reserva ovariana. Outros fatores que impedem uma mulher de engravidar naturalmente são:

  • Trombofilias.
  • Miomas e ovários policísticos.
  • Endometriose.
  • Fator uterino e cervical.
  • Fator tubário.
  • Fator ovulatório.

As mulheres podem apresentar problemas genéticos, congênitos ou adquiridos que trazem a infertilidade. DSTs (doenças Sexualmente Transmissíveis), cirurgias, tratamentos oncológicos e hábitos de vida podem causar o problema, que muitas vezes precisa de um tratamento longo para devolver a fertilidade à mulher.

Exames necessários

Após analisar o caso clínico e o histórico da paciente, um médico especialista pode solicitar a realização de diversos exames afim de detectar qual é a causa da infertilidade feminina. Entre tais exames estão coleta de sangue, análise hormonal e ultrassonografias.

É importante lembrar que nem sempre é apenas a mulher que possui problemas para que esse período se concretize. Dessa forma, o homem também deve realizar exames para avaliar a quantidade e qualidade de seus espermatozoides.

Sempre que um casal notar dificuldade em engravidar ou levar a gestação até o fim, deve-se lembrar da busca por um auxílio médico, dando assim continuidade com este sonho que em momento algum deve ser julgado impossível, basta recorrer a essas alternativas e seguir devidamente com os procedimentos e recomendações.

Post Colaborativo por Mater Prime

Compartilhe: