Cuidado com a dor nas costas



As dores nas costas atingem milhões de pessoas no mundo inteiro e geralmente se concentram na parte lombar inferior. A maior parte das pessoas com esse problema está na faixa do 40 anos. Isso porque na meia idade nossa espinha começa a sofrer alterações  estruturais e os discos que amortecem o contato entre os ossos tendem a tornar-se mais frágeis e até a se fragmentarem. Idosos, sofrem do mal com menos frequência, mas com mais intensidade do que adultos na meia idade.
Homens e mulheres têm problemas de coluna na mesma razão, mas enquanto os primeiros estão mais sujeitos a traumas causados pelo levantamento de peso e outras atividades físicas, as últimas têm maiores chances de desenvolver dores nas costas causadas pela osteosporose.
A maior causadora das dores lombares é a postura. Profissões que exigem muito tempo em uma só posição  têm um maior índice de profissionais de licença devido a esses problemas. Uma atenção especial deve se dar quem passa muito tempo no volante, pois a tramitação do veículo prejudica ainda mais a coluna.
Outros fatores também podem prejudicar a espinha, entre eles os emocionais. Pessoas insatisfeitas com o trabalho ou com depressão tendem a desenvolver mais dores lombares do que a média. Isso porque neurotransmisores como a serotonina e a norepinefrina estão envolvidos tanto na sensação de felicidade quanto na de dor.

Fonte: Harvard Health Letter

Encontre um ortopedista: http://www.boaconsulta.com

Foto por Guilhermo Salinas:

http://migre.me/c6jwF

Compartilhe este texto:

Compartilhe: