A importância da mamografia

Mesmo que muitas mulheres estejam cientes sobre o crescimento e os problemas ocasionados pelo câncer de mama, só 25%, com mais de 50 anos, estão com os exames de mamografia em dia.

Devido a essa preocupação, o governo vem criando campanhas e até leis com intuito de incentivar a realização do exame periodicamente. Segundo o INCA – Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva, o câncer uma vez diagnosticado rapidamente tem 90% de chance de cura. Contudo, apesar de todos os programas de incentivos, o câncer de mama é ainda o segundo câncer mais frequente do mundo.

A mamografia pode ser realizada em um laboratório de imagem, por exemplo, por ser o meio mais seguro de diagnosticar a doença. Apesar de desconfortável, o exame é simples e rápido, não tendo necessidade de adiá-lo.

Com os avanços da tecnologia, os exames de imagem da mamografia também sofreram mudanças positivas, sendo hoje realizados dois tipos de exames:

• Mamografia convencional

Nesse tipo de exame, o filme leva cerca de três minutos para ser revelado. No caso da imagem não ficar nítida, é preciso repetir o exame com a paciente posicionada novamente, o que ocorre em 10% dos casos.

• Mamografia digital

Com o método digital a imagem é processada em apenas cinco segundos. É possível melhorá-la no próprio monitor. Além disso, podem-se aplicar softwares que auxiliam na interpretação das imagens, permitindo um diagnóstico mais rápido e preciso. Por serem imagens eletrônicas, o método expõe a paciente a apenas 3/4 da dose de radiação da mamografia convencional.

O exame é indicado para mulheres acima dos 35 anos, aumentando a periodicidade conforme o avanço da idade.

Campanha de mamografia para as aniversariantes do mês

Com o propósito de aumentar o índice de exames, a Secretaria de Estado da Saúde criou uma campanha, na qual as mulheres aniversariantes do mês que nasceram em ano ímpar, poderão realizar a mamografia sem o pedido médico, agendando o exame por meio de um callcenter da Secretaria de Estado da Saúde.

O serviço faz parte do programa estadual ‘Mulheres de Peite’, que tem como objetivo rastrear e prevenir o câncer de mama no Estado de São Paulo.

No próximo mês será a vez das aniversariantes de junho, nascidas em ano ímpar, agendarem o exame e se prevenir sobre a doença.

É importante que o estado crie campanhas e incentivos. No entanto a iniciativa principal deve partir da paciente, no qual precisa entender os cuidados e a importância do exame de mamografia.

Post Colaborativo MD Imagens

Compartilhe: